foto

Cê Mente Demais

Munhoz e Mariano

Eu gostava tanto de você
Que não aprendi a te esquecer
Mesmo você mentindo que gostava de mim
Eu te amava de verdade
E mesmo assim

Parei de churrasquear
Até parei de beber
Nem no boteco vou mais
Pra não lembrar de você
Mas hoje quando eu fui na feira
Um trem engraçado aconteceu comigo
O feirante oferecendo fruta
Lembrei de você me iludindo

Comendo melancia lembrei de você, porque
"Cê mente" demais, "cê mente" demais

Comendo melancia lembrei de você, porque
"Cê mente" demais, "cê mente" demais
"cê mente" demais mas é gostosa demais

"A tal da melancia tem bastante semente, né parceiro?
A tal da melancia tem semente
E as vezes cê não dá conta de comer sozinho
Sozinho não come não"

Eu gostava tanto de você
Que não aprendi a te esquecer
Mesmo você mentindo que gostava de mim
Eu te amava de verdade
E mesmo assim

Parei de churrasquear
Até parei de beber
Nem no boteco vou mais
Pra não lembrar de você
Mas hoje quando eu fui na feira
Um trem engraçado aconteceu comigo
O feirante oferecendo fruta
Lembrei de você me iludindo

Comendo melancia lembrei de você, porque
"Cê mente" demais, "cê mente" demais

Comendo melancia lembrei de você, porque
"Cê mente" demais, "cê mente" demais

Comendo melancia lembrei de você, porque
"Cê mente" demais, "cê mente" demais
"Cê mente" demais, "cê mente" demais
"cê mente" demais mas é gostosa demais
publicidade