foto

Caio no Suingue (part. Ivete Sangalo)

Monobloco

Eu caio no suíngue para me consolar
É que essa vida não tá mole
E eu faço assim para me segurar

Se eu caio no suíngue para me consolar
É que essa vida não tá mole
E eu faço assim para me segurar

Esse funk é tiro de canhão
Rajada de metralhadora que situação
Esse país na emboscada
É a mais injusta divisão
Com a boca escancarada
Faço esse protesto em forma de oração

Ave mãe
Filhos, primos
Espíritos que habitam o planeta
Façam votos
Criem versos, tomem atitudes
Pra mudar a coisa que já tá pra lá de preta

Eu tô cantando, você dirigindo
O outro tá rezando
Alguns se divertindo
Muitos precisando, poucos conseguindo
Se todos realizam algo
O mundo segue seu caminho...
publicidade