foto

Eu Pescador

Milton Nascimento

E vamos eu e a solidão
a caminho do mar
canoa e coração
deixam pra traz a terra o cais
partem buscando vendavais
ah meu peito de sonhador
sabe os abismos do amor
como a canoa os do mar

Eu que fiz dos meus sonhos meus navios
eu que fiz velas de rimas
de canções com meu pesqueiro
eu que armei redes de estrelas
ainda espero em tesões e sereias
quem ficou de me encontrar

De sol em sol cruzando o mar
calmarias sonhei co coração a paz
de provou de querer bem
mais sopram outros vendavais
ai meu peito de pescador
sabe que a lua passou
finda a maré de pescar

Eu que dei os meus sonhos meus navios
que troquei mares por frios
que aportei o meu pesqueiro
nas paragens do desejo
ainda guardo pra alguém o meu beijo
e a luz de corais

Eu que aporteu nas paragens do desejo
ainda guardo pra alguém o meu beijo
e a doce flor
publicidade