foto

De Mãos Dadas

Maurício Mattar

Eu não acreditava mais em mim
Pensava que o amor era ilusão
Quando você apareceu na hora eu não acreditei
E mesmo não acreditando eu me apaixonei

Eu mergulhei na luz do teu olhar
Faz tempo que eu não me sentia assim
Me acostumei a ser feliz
Meu coração criou raiz
Felicidade quando chega, chega pra ficar

Quero ser seu amor, seu amigo
E nas noites de frio, seu calor quero ser
Sua felicidade, seu amor de verdade
Meu amor quero ser

Descobrir de mãos dadas os segredos da estrada
Que vaga a madrugada até amanhecer
Descobrir todo dia no sabor da alegria
Doce monotonia de só te dar prazer

Quero ser seu amor, seu amigo
E nas noites de frio, seu calor quero ser
Sua felicidade, seu amor de verdade
Meu amor quero ser

Descobrir de mãos dadas os segredos da estrada
Que vaga a madrugada até o amanhecer
Descobrir todo dia no sabor da alegria
Doce monotonia de só te dar prazer [2x]
publicidade