foto

De Igual pra Igual / Frente a Frente (Ao Vivo)

Matogrosso e Mathias

Você mentiu, quando jurava para mim fidelidade
Fui apenas um escravo da maldade
Você quis, você lutou, conseguiu

Você feriu, os sentimentos que a ti eu dediquei
Quantas vezes o seu pranto enxuguei
Por pensar que era por mim que chorava

Você fingiu, você brincou com a minha sensibilidade
É o fim do nosso caso na verdade
Só nos restam recordações

Não toque em mim, hoje descobri que você não é nada
Não podemos seguir juntos nesta estrada
É o fim do amor sincero que senti

Mas aprendi, fazer amor pra te ferir sem sentir nada
Enquanto eu amava você me enganava
De igual pra igual quem sabe a gente pode ser feliz
Ser feliz...

Nós precisamos conversar, decidir o que vai ser
Se é uma briga de momento ou separação
Você tem que me dizer, quero ouvir a sua voz
Me falando frente a frente o que vai ser de nós

O que eu não posso é ficar, esperando por você
Sem saber se vai voltar, ou vai me esquecer
Você tem que resolver, se me quer ou vai abrir
A indecisão me mata, você tem que decidir

Vai, se Teu amor acabou diz pra mim
Mas não me deixe assim, sei que vou passar um mal pedaço vou sofrer
Mas com o tempo vou parar de enlouquecer, é pior duvidar que perder

Diz que está na hora desse jogo se acabar,
Se é pra ficar assim prefiro terminar
Mesmo te amando posso te dizer adeus
publicidade
publicidade