Mart'nália

Mart'nália

MPB, Samba, Bossa Nova

Surpresa

Mart'nália

Surpresa? Nada de ligar pra marcar
Surpresa? Margem pra improvisar

Pra sentir, pra tocar
E mesmo que eu não tenha nem o que falar
Já me basta a alegria de cantar
Dividir pra rimar
Poesia, emoção, uma só canção
Tô na praia a melodia vem e entra
Como uma onda em movimento de amor
Sem perder o compasso e o tempo
Seja com quem for
Só ouço o som de um instrumento
E voa pra qualquer lugar
Pra dançar, distrair, deschavar

Surpresa? Nada de ligar pra marcar
Surpresa? Margem pra improvisar

E não tem nem meia dúvida,
Vivo do calor da música
E do resto que sobrar, se sobrar

Surpresa? Nada de ligar pra marcar
Surpresa? Margem pra improvisar

Sou feliz dessa maneira
Devagar de brincadeira

Pra sentir, pra tocar
E mesmo que eu não tenha mas o que falar
Já me basta a alegria de cantarolar
Dividir pra rimar
Poesia, emoção, de noite
tá em casa a melodia vem e chega
Numa onda em movimento de amor
Sem perder o compasso e o tempo
Seja como for
Só ouço o som de um instrumento
E leva pra qualquer lugar
Pra dançar, distrair, deschavar

Surpresa? Nada de ligar pra marcar
Surpresa? Margem pra improvisar

  • publicidade