foto de Martinho da Vila

Por Ti América - Pra Tudo Se Acabar na Quarta-Feira

música e letra

Martinho da Vila

Avante Vila Isabel! Vai afirmar
Que quando há união dá pra chegar
No céu azul de quem quer só voar
Nos sonhos possíveis de se realizar
Deus te abençoe, ó Grande América!
O teu novo mundo só quer amor e paz
Pra ser paraíso de quem trabalha e faz
Mistura homogênia que satisfaz
Com as graças da velha Mamãe África
Tempero sabor e cor nas relações
Bailando no ritmo e na mágica
Dos sons das ruas e dos salões

Simon Bolívar foi um bamba
Com rumba, candombe, com tango e samba
Preconizamos seu ideal
Simom Bolívar foi um bamba magistral
Com rumba, candombe, com tango e samba
Preconizamos seu ideal

Soy loco, louco por ti e falo em portunhol
Bom vinho nos faz sorrir
Amando a lua e o sol
Cantando a latinidade, clamor de fraternidade
Eis o nosso sonho de carnaval (2x)

(Repete tudo)

A grande paixão
Que foi inspiração
Do poeta é o enredo
Que emociona a velha-guarda
Lá na comissão de frente
Como a diretoria
Glória a quem trabalha o ano inteiro
Em mutirão
São escultores, são pintores, bordadeiras
São carpinteiros, vidraceiros, costureiras
Figurinista, desenhista e artesão
Gente empenhada em construir a ilusão

E que tem sonhos
Como a velha baiana
Que foi passista
Brincou em ala
Dizem que foi o grande amor
De um mestre-sala

Que foi passista
Brincou em ala
Dizem que foi o grande amor
De um mestre-sala

O sambista é um artista
E o nosso Tom é o diretor de harmonia
Os foliões são embalados
Pelo pessoal da bateria
Sonho de rei, de pirata e jardineira
Pra tudo se acabar na quarta-feira
Mas a quaresma lá no morro é colorida
Com fantasias já usadas na avenida
Que são cortinas, que são bandeiras
Razão pra vida tão real da quarta-feira
É por isso que eu canto

A grande paixão
Que foi inspiração
Do poeta é o enredo
Que emociona a velha-guarda
Lá na comissão de frente
Como a diretoria
Glória a quem trabalha o ano inteiro
Em mutirão
São escultores, são pintores, bordadeiras
São carpinteiros, vidraceiros, costureiras
Figurinista, desenhista e artesão
Gente empenhada em construir a ilusão

E que tem sonhos
Como a velha baiana
Que foi passista
Brincou em ala
Dizem que foi o grande amor
De um mestre-sala

Que foi passista
Brincou em ala
Dizem que foi o grande amor
De um mestre-sala

A grande paixão