Maria Bethania

Sodade, Meu Bem Sodade - Vida Vã

Maria Bethania

Os olhos da cobra verde
Hoje foi que arreparei
Se arreparasse a mais tempo,
não amava quem amei

Eu sou teu olho no meu
Tua cor na minha cor
Teu sonho mirando o céu
No céu azul desse amor
O amor que pedi à Deus
Com tudo que sempre quis
Imensamente feliz
Marília, ilha e Dirceu
Eu vejo o nosso amor assim
Um sonho só, um som sem fim
Onde nada se perdeu
Onde eu sou você
Onde você sou eu
Onde eu sou você
Onde você sou eu

O amor é vida em comum
Deus queira, até o final
É singular no plural
A soma de dois é um
É ímpar quando é par
Sem adiar amanhã
É tudo porque lutar
Sabendo que a vida é vã

Eu vejo o nosso amor assim
Um sonho só, um som sem fim
Onde nada se perdeu
Onde eu sou você
Onde você sou eu
Onde eu sou você
Onde você sou eu

O amor é vida em comum
Deus queira, até o final
É singular no plural
A soma de dois é um
É ímpar quando é par
Sem adiar amanhã
É tudo por que lutar
Sabendo que a vida é vã

Eu vejo o nosso amor assim
Um sonho só, um som sem fim
Onde nada se perdeu
Onde eu sou você
Onde você sou eu
Onde eu sou você
Onde você sou eu
publicidade