foto

PRELÚDIO EM RIMAS CARIOCAS

Marcelo D2

“Qual é Sinistro?”

Um neguinho como eu que cresceu sozinho não consegue se livrar dos medos e nem tão pouco do ódio
Dançando com o Diabo na terra esperando ver Deus no céu
Entre malandros, maloqueiros, boêmios e traficantes, correr da polícia e viver no limite

“Esse é o Sinistro, ele tá tentando fazer a coisa certa, mas não tá fácil

- Mãe, eu vou sair, tá?
- Vai aonde meu filho?
- Dar um rolé
- Presta atenção, meu filho, você é livre pra fazer suas escolhas, mas prisioneiro das consequências.

E esse é o crew dele, que eles chamam de Mulato: Snoopy , Peixe e Rato

Mas Mulato é mais que uma crew, é uma ideia de resistência às adversidades, à violência e ao destino de tantos como ele. E a história começa assim..."

Eu tenho sangue suburbano e a camisa velha do Tupac
Tenho alma da favela e a estrada de Kerouac
Tenho coração rubro negro, tenho a ginga do malandro
A prosa de Bukowski tenho acertos e enganos
Tenho um pouco de Candeia, Coltrane e atitude punk
Tenho as guitarras do Hendrix e como carioca eu tenho o funk
Tenho as dores da Frida, tenho a vanguarda do skate
Tenho Bohemia da lapa e a sagacidade do Catete
Tenho rimas e batidas, tenho gritos e sussurros
Tenho todo vandalismo de quem escreve nos muros
Tenho a paz de Gandhi e a mão que impunha a Glock
Tenho o caos de Basquiat o sonho abstrato de Pollock
Tenho a determinação do Dr King a polêmica de Spike Lee
Tenho a luta de Malcom X a técnica de Kubrick
Tenho o improviso do Jazz a simplicidade do Samba
Eu tenho a força e coragem de um guerreiro que ama
Bumaye!
publicidade