foto

Caipora (Ao Vivo)

Maiara e Maraisa

Senta aqui nessa cadeira
Que eu vou te contar uma besteira
Que eu fiz com a minha vida
Eu perdi uma pessoa aí
Depois dessa proeza tem uma sexta
Na minha segunda todo dia

Eu bebo sem nenhuma moderação
A minha casa é a calçada daquele portão
Eu tô vivendo de cachaça e tira gosto de salame
Com uma pitada de saudade e de vez em quando eu do uns vexame

Quando eu acho que esqueci, piora
Fumando mais que caipora
Secando quase um alambique
Ele disse traição não tem perdão, desiste

Quando eu acho que esqueci, piora
Fumando mais que caipora
Secando quase um alambique
Eu queria que ele que tivesse me botado chifre
publicidade