foto

Ao Mestre

Luiz Caldas

Carinho, respeito e gratidão
Tenho por ti por pavimentares o chão
Por onde muitos andam e ainda andarão
Melodiando as curvas da estrada que dança

Harmonizar os ânimos animais
Recolocar destino no rumo da gente
Tal qual um sino que avisa a hora de rezar
Fazer uma carícia no seu próprio coração

Cantarmos juntos
A vida é bela
E é nessa esfera que a gente vai se ajudar
Uma lua
Amarela
E a nossa espera finalmente chega ao fim

Uma pausa por favor
Conferir a afinação
Do seu eu com o meu eu
Nossa força é natural
Vem da música, vem do amor
publicidade
publicidade