Jair Rodrigues

Como Tem Ladrão

Jair Rodrigues

É ladrão que não acaba mais
Tem ladrão que não acaba mais
Você vê ladrão quando olha pra frente
Você vê ladrão quando olha pra trás

Quando Cabral aqui chegou
E semeou sua semente
Naturalmente começou
A lapidação do ambiente

Levaram o ouro, levaram o pau
Tiraram o couro do povo dessa
Terra original

E só deixaram a má semente
Que logo se proliferou
E originou a nossa gente

É ladrão que não acaba mais
Tem ladrão que não acaba mais
Você vê ladrão quando olha pra frente
Você vê ladrão quando olha pra trás

A é terra boa, mais o povo é explorado
Os direitos são os mesmos
Desde os séculos passados
Há tanta gente que só anda engravatado
Não trabalha, não faz nada
Mas tá sempre endinheirada

Se entrar no supermercado...Você é roubado
Se ficar ai parado...Você é roubado
E se pegar no bonde errado...Você é roubado
Se votar pra certos deputado...Você é roubado

Certo! Tem sempre 171 desocupado
Tem ladrão lá no armazén, e também em padaria
Ladrão que rouba de noite, ladrão que rouba de dia
Dentro da delegacia, ninguém se entendia a maior confusão
O delegado grampeou todo mundo
Porque o ladrão roubou outro ladrão

É ladrão que não acaba mais
Tem ladrão que não acaba mais
Você vê ladrão quando olha pra frente
Você vê ladrão quando olha pra trás...
publicidade