Jair Rodrigues

Alma Negra

Jair Rodrigues

Alma negra
Minha alma é negra
Como o toque do tambor (bis 4x)

Batido pela mãos negras
minh'alma responde
ao canto do chão
dos pé que marcam na terra
toda a sua vibração
alma negra
minha alma é negra

Para absorver todo o som
do grave é o agudo que
sai do meu coração
Minha alma é negra
Meu astral é colorido
Arco íris espalhando
alegria, axé e amor

Alma negra
minha alma é negra
como o toque do tambor

Alma negra, minha alma negra
é basileira, é latina, mais
caribe que argentina diamente
transparente em água mais
cristalina

Alma negra, minha alma negra
é aberta para toda cor, da dança
do universo, a unção do axé, axé
e muito amor

Batido pela mãos negras
minh'alma responde
ao canto do chão
dos pé que marcam na terra
toda a sua vibração
alma negra
minha alma é negra

Para absorver todo o som
do grave é o agudo que
sai do meu coração
Minha alma é negra
Meu astral é colorido
Arco íris espalhando
alegria, axé e amor

Alma negra
minha alma é negra
como o toque do tambor (bis)
publicidade