Terra de Violeiro / Terra de Violeiro / Lugar Abafado / Vou Tomar Um Pingão

Jads e Jadson

Eu já rodei muito chão,
Já cantei pra muita gente
Conheci muitos lugares,
Mas aqui é diferente.

Gosto muito dessa terra,
Fonte de inspiração
Goiás, terra de violeiro,
Tem paulista, tem mineiro
Tem Brasil no coração

Aqui tem de tudo, tem, sim senhor
Tem mulher bonita e apaixonado eu tô
E pra rapaziada, morena arrumada
Moda de viola e cerveja gelada
Pra aguentar o calor

Eu já rodei muito chão...


Ooooo
Lugar que não venta
Ninguém aguenta este sufoco
Ooooo
Lugar Abafado, Apaixonado
que dura pouco

Eeeeeeta
Saudade feia, que chicoteia
e surra doido
Eeeeta
Paixão sem jeito
que dói no peito
Eu estou perdido

Fui pro sul, e fui pro Norte
Expandi no exterior
Mas mesmo sem passaporte
a paixão me acompanhou

É triste o lugar que vivo
Com razão é que reclamo
Moro do lado de fora
Do coração, de quem eu amo...


Oh, vida amargurada
Quanta dor que sinto
Nesse momento em meu coração
Oh, que saudade dela
Não aguento mais
Vou lá na vendinha
Vou tomar um pingão (bis)

Ela foi embora, partiu pra longe
Eu fiquei sozinho, ela foi chorando
Sentindo pena em me deixar
Qualquer dia desses fico de fogo
E saio zoando
Onde ela mora
Juro por Deus, que eu vou morar

Oh, vida amargurada
Quanta dor que sinto
Nesse momento em meu coração
Oh, que saudade dela
Não aguento mais
Vou lá na vendinha
Vou tomar um pingão


capa do álbum Jads E Jadson de Jads e Jadson
Album: Jads E Jadson
Gravadora: Atração
Ano: 2006
Faixa: 9