Ivan Lins

Espelho Piano

Ivan Lins

De onde eu estava, eu bebia feliz
Pois te via através do verniz
Que espelha o piano.

De onde eu sonhava eu torcia por mim
E bem antes danoite ter fim
Descobri que te amo.

Ah! Esse espelho negro juntou
Agente mais de uma vez.
Coisa que o nosso destino não fez
Juntou nossas almas, juntou nossas auras.

Ah esse espelho negro juntou
Um pouco de cada um.
Coisa pra ele bonita e comum
E nós nos tocamos, e nós nos beijamos
Lá.
publicidade