foto

Big Boss

Haikaiss

Ó, yeah-yeah-yeah
Yeah, ahn-ahn, ó
Tá ligado
Skrr, yeah, ai

Tapete vermelho chegou no sapato
Não se promove
Vende essa droga, não usa essa droga
Não se promove, vive na sombra
Tapete vermelho chegou no sapato
Não se promove
Vende essa droga, não usa essa droga
Não se promove, vive na sombra

Big boss tipo tique, vende ratatatá
Big, nós, life sick
Big boss tipo tique, vende ratatatá
Big, nós, life sick

Ahn, e eu, por aqui, eu só observo
Mas eu nem sempre absorvo
Se tu não agir pelo certo
O teu rio vai virar esgoto
E eu não sou super-herói não
Mas eu sou poderoso
Vou esquivando dos socos
Do mundo malicioso (Oh, ei)
Mundão quer ver tu cair
Se não dói no coração, dói no bolso
Sistema cabuloso
Ou você morre de fome, ou de desgosto
Às vezes falta força
Dessa forca eu tô farto
Que você seja feliz também (Ahn)
Gente feliz não enche meu saco
Jornalista fala que o rap é porta de entrada pro crime
O que seria da minha vida?
Deprimida, só a cinza do crack na tampa do Guaravita
Tem gente que fala que o rap é a porta de entrada pro crime
O que seria da minha vida?
Não é a porta de entrada não, hmm, é a porta de saída

Big boss tipo tique, vende ratatatá
Big, nós, life sick
Big boss tipo tique, vende ratatatá
Big, nós, life sick

(Ahn) Atividade menor
Veja, quem é não divulga, o que se vende não usa
Sei que o corre te suga
Mas não é motivo pra perder a conduta
Sem dar ouvido pra filha da-
O que fala e que surta, ou atura
E o canela seca na cintura
Isso é mal postura
Quem me protege não dorme
Nós não cochila pra não tomar o bote
Neguin' tá morrendo à toa
Mulher casada não pode, mata bem mais que revólver
E assim nós vai levando a vida
Sem falta com a disciplina
Distante de toda a inveja
Focado em dar a volta por cima
Tá achando que nós tá de touca, jão
A vida é louca e não tem pra trocar, sai fora
Tenho vários vínculo na boca
E não faço mais parte, mas tenho contato de sobra
Quer fumar haxixe, ela cola
Deixa que eu dichavo, que ela bola
Cola com as amiga da hora
E eu? Só levanto status, comemora

Big boss tipo tique, vende ratatatá
Big, nós, life sick
Big boss tipo tique, vende ratatatá
Big, nós, life sick

Ahn, no olho a maldade, como se ama o trono e a grana é pouco
E pouco a pouco traz a puta pra minha cama (Hey!)
Tira a culpa da minha cama (Ahn-ahn)
Faz a busca, traz a escama
Paz não vende, aluga, atrás de ti, me ajuda?
Offline de dia, on só na madruga
Ahn, essa porra me suga
Eu tô num loop de fuga
No beat do Lotto, com vinte mil lugares
Que o hip-hop me levou
Com Sugarhill Gang no pódio, pop
Fomos vulgares, do Rock in Rio à pocket nos bares, viu?
Cruzando mares, invadindo lares
Que eu dividi poder, tipo ouvindo Thalles, ahn
Tapete vermelho, chegou no sapato
No olho a maldade, como se ama o trono e a grana é pouco
E pouco a pouco traz a puta pra minha cama (Hey!)
Tira a culpa da minha cama (Ahn)
Faz a busca, traz a escama
Paz não vende, aluga, atrás de ti, me ajuda?
Offline de dia, on só na madruga
Ahn, essa porra me suga
Eu tô num beat do Gustah

Atividade, KayBlack, sei que tu é cria de rua
Olha, os perreco não atura
É miliano de corre
Foda-se tudo esses filha da puta
Nós tá na bala do certo
Vários não tem papo reto
Sabe qual que é o remedinho pra verme? (Ah)
Isso é mal postura
Se é pra falar da verdade, também tô no corre da grana
Foda aguentar papinho de babaca bacana
Prefiro ela na cama, minha gana
Vida ordinária sacana
Nós não se ilude com a fama, ah
Quem tá no erro, a cobrança tá vindo pesada
Mas tipo la máfia, máfia siciliana
Ah, ve-ve-vem com a minha parte na real (Tipo o Nog)
Quero que se foda, zé povinho passa mal
To-to-todo dia é guerra, vagabundo chama o sal
Nós não se promove nem divulga, cada qual

Tapete vermelho chegou no sapato
Não se promove
Vende essa droga, não usa essa droga
Não se promove, vive na sombra
Tapete vermelho chegou no sapato
Não se promove
Vende essa droga, não usa essa droga
Não se promove, vive na sombra

Big boss tipo tique, vende ratatatá
Big, nós, life sick
Big boss tipo tique, vende ratatatá
Big, nós, life sick
publicidade
publicidade