foto

Marca Missionária

Grupo Fronteiras

Desde guri trago o sangue fandanguero
Sei do jeito e a manera do lugar onde eu nasci
Fui criado no entrevero vendo a gaita balança
Eu tenho a manha destes bailes da minha terra
Pois aqui o touro berra e o galo vem canta

Bem do meu jeito vou cantando pro meu povo
se cai monto de novo foi assim que aprendi
Trago no peito essa marca missioneira
Sei o jeito e a maneira do lugar onde eu nasci

Trago no peito essa marca missioneira
Sei o jeito e a maneira do lugar onde eu nasci

Vamo que vamo marca véia do Rio Grande
Mostra o balanço que alegra esse lugar
Eu vou metendo no estilo missioneiro
Bem no meio do entrevero faço poeira levantar (2x)

Sou missioneiro e não nego e (???) perto
Sou fandangueiro e meu negócio é farrear
Criado no xinxo bruto eu atravesso surungu
E ainda saio com a mais linda do lugar(2x)

Essa é a marca que emblemei na minha estampa
Bailei no xucro que é bamba
Levar a diante porto desses rincões
Desde São Miguel das missões a capital das ruinas

Assim me vou galopando pensamento
Campeando divertimento namoro sincronizado
Quando eu partir ieri deixar buena herança
Os fandangos e as festanças do surungo do meu pago

Vamo que vamo marca véia do Rio Grande
Mostra o balanço que alegra esse lugar
Eu vou metendo no estilo missioneiro
Bem no meio do entrevero faço poeira levantar (2x)

Sou missioneiro e não nego e (???) perto
Sou fandangueiro e meu negócio é farrear
Criado no xinxo bruto eu atravesso surungu
E ainda saio com a mais linda do lugar(2x)
publicidade
publicidade