foto

Sangue

Gloria

Sangue! deixa o sangue escorrer em mim.
Escorre, veneno, desejo, queimando a noite inteira.
Até não mais poder.
Até o sol nascer.

Meu sangue, é seu, meu sangue.
Seu sangue, é meu, seu sangue.

O seu mais novo vício,
Eu sou seu novo vício.

Dançar! e é no pecado que eu sinto prazer.
Você fica louca, com o mel na sua boca,
Até a última gota.
Até não mais poder.
Até o sol nascer.

E deixa o sangue escorrer!
Meu sangue, é seu, meu sangue.
Seu sangue, é meu, seu sangue.

O seu mais novo vício,
Eu sou seu novo vício.

Sangue!sangue!sangue!
Até não mais poder.
Até o sol nascer.

E deixa o sangue escorrer!
Meu sangue, é seu, meu sangue.
Seu sangue, é meu, seu sangue.

O seu mais novo vício,
Eu sou seu novo vício.(2x)


publicidade
publicidade