foto

Flor De Fandangueira

Garotos de Ouro

A vaneira veio de Havana por ser haragana
Se chegou com o tempo ficou cada vez mais pampeana
Surungando no som da cordeona os galpões da querência
Veio vindo e chegou até aqui com a mesma essência

Sacode, balança o corpo na dança da onda na mesma emoção
Morenas lindaças, bem lindas louraças, dançando no mesmo salão
Se vestiu de verde, amarelo, de branco, vermelho e também de azul
Chegou tomou conta da sala, êta dança baguala dos bailes do sul
Chegou tomou conta da sala, êta dança baguala dos bailes do sul

De norte a sul, do pampa ao agreste, a mesma alegria
O mesmo açoite na boca da noite, a mesma magia até clarear o dia
E os campeiros, caipiras, candangos, só marcando o passo
Um só coração do forró ao fandango, é o Brasil que agita no mesmo compasso

Esta vaneira é a mais faceira
Pela noite, inteira, vai juntando os pares, flor de fandangueira
Esta vaneira é a mais faceira
Pela noite, inteira, vai juntando os pares, flor de fandangueira
publicidade