Estratosférica

Gal Costa

Alfazema lava, meio-dia
Passeio abre, cortejo anunciou
Você vem de circular

De colar
Continhas brancas
Vestes, brilho
Manto azul, ajayô
Vai de volta de encontrar

Das ladeiras dos sobrados
Das calçadas de pisar
Tu chegasse numa nave
Colorida de acender

Festejada festa, pano florido
Abre, clareia flor amazônica
Vem das águas de banhar
Vai de volta de encontrar

Das ladeiras dos sobrados
Das calçadas de pisar
Tu chegasse numa nave
Colorida de acender

Alfazema lava, meio-dia
Passeio abre, cortejo anunciou
Você vem de circular

Festejada festa, pano florido
Abre, clareia flor amazônica
Vem das águas

Leve-me em cortejo teu sagrado espacial
Aguou de lagoinha rodeou de coração
Cósmica beleza mar de nau de navegar
Chega agora no meu porto
Estratosférica, voar

Ah ah você vem de circular
Ah ah alfazema ajayô
Ah ah estratosférica voar
Ah ah colorida de acender
Ah ah ah ah ah ah
  • publicidade