foto

Por um Minuto / Deixa (Ao Vivo)

Enzo Rabelo

Todos os amantes já adormeceram
E todas as palavras já se calaram
Já não vive o mundo em que se perderam
Nem as madrugadas em que se amaram
Quero sentir, quero ouvir

Seus passos de volta à minha porta
Pra dizer que me amava quando estava longe
E deixar que amanhã, juntos nos encontre
E que passe a ser vida o que hoje é só sonho

E que se acabem os segredos
E que se aumente os desejos
E assim, enquanto eu te beijo
Que mude o destino, por um minuto
Que meu corpo encontre o seu corpo
Num prazer absoluto
E assim, enquanto eu te abraço
Me aperte em seus braços, por um minuto
De um jeito que só você sabe
De um jeito que só eu sei

Que meu corpo encontre o seu corpo
Num prazer absoluto
E assim, enquanto eu te abraço
Me aperte em seus braços, por um minuto
De um jeito que só você sabe
De um jeito que só eu sei

Deixa eu pelo menos falar de nós
Por um minuto ouvir tua voz
Nem precisa me perdoar

Sabe já não consigo entender
Se quem amou pra valer
Diz que agora tanto faz
Que já não me quer mais
E diz que nunca, nunca

Vai me ligar
Na hora que a saudade e a vontade apertar
Na busca incessante de outro amor encontrar
Tentando achar a saída

Quero esquecer
Como se fosse fácil apagar tudo assim
Matando nossa história
A metade de mim
Deixa
publicidade