foto

Bola Dividida - Saudades Da República

Emílio Santiago

Será que essa gente percebeu
Que essa namorada desse amigo meu?
Tá me dando bola tão descontraída
Só que eu não vou em bola dividida
Pois se eu ganho a moça eu tenho o meu castigo
Se ela faz com ele vai fazer comigo

E vai fazer comigo exatamente igual
Ela é uma morena sensacional
Digna de um crime passional
E eu não quero ser manchete de jornal

Por isso que eu pergunto
Será que essa gente percebeu
Que essa morena desse amigo meu?
Tá me dando bola tão descontraída
Só que eu não quero que essa gente diga
Esse camarada se androginou
A moça deu bola a ele e ele nem ligou
Esse camarada se androginou
A moça deu bola a ele e ele nem ligou

República, república
Ai que saudades dos meus
Tempos de república (2x)

Chegava de porre no quarto
Cantando chorinho e sambão
Acordava no meio da noite
Fazendo a maior confusão
A camisa que eu mais gostava
Enxugava o chão do corredor
E uma meia da mulher amada
Era lá na cozinha o melhor coador

República, república
Ai que saudades dos meus
Tempos de república (2x)

Livro emprestado não vinha
E o que vinha não ia também
Tomava o dinheiro emprestado
Depois não pagava ninguém
Nota baixa tirava de letra
Na roda de samba e batida
E brigava sem ser carnaval
Se falasse mal da portela querida

República, república
Ai que saudades dos meus
Tempos de república. (3x)




publicidade
publicidade