Edvaldo Santana

Lobo Solitário

Edvaldo Santana

Dizem as más línguas que eu continuo o mesmo
Segundo a esmo por aí a míngua
Como um guerrilheiro cheio de filosofia
Com a fantasia de um marinheiro
Sou o que sou um lobo solitário procurando amor
Sou o que sou um bicho na cidade procurando amor
Dizem por aí que até perdi o tino
Que sigo sem destino sem dogma e sem fé
Que eu não tenho objetivo que eu não casei ainda
Que eu ando muito louco por aí a pé
Sou o que sou um lobo solitário procurando amor
Sou o que sou um bicho na cidade procurando amor
Falam que pra mim o sinal está fechado
Que sou muito ansioso chego sempre atrasado
Que eu não vou dar em nada que sou muito arrogante
Um cavaleiro errante na madrugada
Sou o que sou um lobo solitário procurando amor
Sou o que sou um bicho na cidade procurando amor

publicidade