Edvaldo Santana

A Poda Da Rosa

Edvaldo Santana

A poda da rosa foi feita no inverno
Em plena segunda por seu Valdemar
Que pra não furar dedo de menininho
Levou os espinhos pro um outro lugar

O sol está rindo para o nosso olhar
Ninguém foi ferido para lamentar
Quem ficou dormindo pode levantar
O céu está lindo refletido no mar

A poda da rosa foi feita no inverno
Em plena segunda por seu Valdemar
Que pra não furar dedo de menininho
Levou os espinhos pro um outro lugar

O sol está rindo para o nosso olhar
Ninguém foi ferido para lamentar
Quem ficou dormindo pode levantar
O céu está lindo refletido no mar
publicidade