Eduardo Costa

Tem Que Ter um Fim

Eduardo Costa

Saudade dói
Chega e corrói o meu peito

Causa aflição
E o meu coração dá defeito

Tem noites que passo gritando
Seu nome ao vento
Para aliviar essa dor,
Esse meu sofrimento

Tem noites que passo
Implorando você do meu lado
E essa saudade não deixa
Eu fugir do passado

Tem que ter um fim
Tenho que esquecer
Vou gostar de mim
Pois viver assim
É pedir pra morrer

Tem que ter um fim
Tenho que esquecer
Não quero esse amor
E essa maldita dor,
Quem sara é você

publicidade