fotos de Dilsinho

Dilsinho

Pagode

Já que Você Não Me Quer Mais / A Vingança (Ao Vivo)

Dilsinho

Se eu passo e você não olha
Deve estar achando que é dona da bola
Perdi a conta e os recibos dos seus beijos
Ninguém merece ser o alvo desse seu desprezo

Se eu reparo e você não para
Deve estar tirando com a minha cara
Quanto mais eu corro, mais fico distante
E menos tolerante

Se o seu coração
Não me notar
Não tem problema, deixa estar
Pois sem você
Eu sei viver

Já que você não me quer mais
Vou espalhar meu amor por aí
E ai de você se entrar na minha frente
Hoje à noite eu só quero é me divertir
(2x)

Pra quem rodou tanta estrada
Perder uma vez não atrapalha nada
Querendo ou não já plantei minha semente
E vou colher os frutos que brotarem na minha frente

Quem você quer enganar?
Quero viver em paz, distância, mas estar pronto pra amar
Nós dois crescemos e ficamos muito diferentes
Não somos mais inocentes

Se o seu coração
Não me notar
Não tem problema, deixa estar
Pois sem você
Eu sei viver

Já que você não me quer mais
Vou espalhar meu amor por aí
E ai de você se entrar na minha frente
Hoje à noite eu só quero é me divertir
(2x)

E ai de você se entrar na minha frente
Hoje à noite eu só quero é me divertir
(2x)


Hoje eu to na pista
E qualquer proposta indecente
Me conquista e não vai ser com uma mina desconhecida
Vai ser sacanagem, vai mudar a imagem
Que os outros tem de mim

E na hora se chegar alguma amiga sua eu pego
Se for inimiga eu também não nego
Vai sentir na pele como é ruim
Vai saber bem assim que eu aceitei o fim

É com a mesma moeda que se paga
E foi só pegar você com a mão na massa
Que a vingança foi formando no meu pensamento
Fiquei tenso

Fui malandro, derramei aquele choro
Descarrado, soluçado, mentiroso
Acabou e o pior é que eu nem lamento
Se perder tempo

Eu não vou deixar a deprê me pegar
Gostei de você respeitei mas sei lá
Basta uma cena dessa pra gente perder
Todo respeito, não tem jeito

Tá achando que eu sofri fique mal
Mas eu to aqui tudo bem na moral
Eu não tenho a intenção, de te reconquistar
Mas eu tenho uma surpresa pra te dar

Hoje eu to na pista
E qualquer proposta indecente
Me conquista e não vai ser com uma mina desconhecida
Vai ser sacanagem, vai mudar a imagem
Que os outros tem de mim

E na hora se chegar alguma amiga sua eu pego
Se for inimiga eu também não nego
Vai sentir na pele como é ruim
Vai saber bem assim que eu aceitei o fim

É com a mesma moeda que se paga
  • publicidade
  • As mais ouvidas de Dilsinho
  • 01 Péssimo Negócio
  • 02 Combinado Não Sai Caro
  • 03 Onze e Pouquinho
  • 04 3 Pulinhos
  • 05 Pouco a Pouco (feat. Sorriso Maroto)
  • 06 Nas Nuvens / Quando a Gente Ama / Me Espera (feat. Sorriso Maroto) [Ao Vivo]
  • 07 Deixa pra Amanhã
  • 08 Controle Remoto
  • 09 Refém
  • 10 Controle Remoto (Acústico)
  • ver todas as músicas de Dilsinho