Cezar e Paulinho

Meu Pai, Meu Herói, Meu Amigo

Cezar e Paulinho

Meu pai foi o meu grande amigo nos tempos da infância
E sempre tirando os espinhos
Mostrando caminho de fé esperança
Meu pai está comigo em todas as coisas que faço
Me incentivando em tudo
Mostrando o caminho guiando meus passos

Mas hoje, lembrando o passado, eu trago na recordação
Meu pai eu tenho saudade do tempo bom
Me lembro que, às vezes, você se zangava comigo
Por coisas que eu fazia errado
E, por muitas vezes, corria perigo

Eu era inda criança e não me importava
Mas agora crescido, entendo o sentido
Do mundo que você me mostrava
O tempo passou por meus olhos, amadurecido fiquei
Meu pai, agradeço a você por tudo que sei

Meu pai obrigado por tudo que aprendi e que trago comigo
Nos momentos difíceis da vida
Meu pai, você foi meu amigo

Meu pai obrigado por tudo que aprendi e que trago comigo
Nos momentos difíceis da vida
Meu pai, você foi meu amigo, meu grande amigo
Meu pai, meu amigo, meu melhor amigo
Meu pai, meu herói, meu amigo
Meu grande amigo
publicidade