Babylonest

Cazuza

Baby lonest
Ninfa do asfalto
Todo o ocidente nos ombros
Que a noite defloram dentes
E depois adormecem

A vida de alôs e beijos
Os sábados na cidade
De Telerj em Telerj
O amor te deixa os cacos

Metade da mesada em fichas
E os corações ocupados

Não chore, baby, não chore
Oh, baby, não chore

Amanhã tem revolution
Amanhã tem
Amanhã tem revolution
Amanhã tem

Baby lonest
Ninfa do asfalto
Todo o ocidente nos ombros
Que a noite defloram dentes
E depois adormecem

A vida de alôs e beijos
Os sábados na cidade
De Telerj em Telerj
O amor te deixa em cacos

Não chore, baby
Oh, baby, não chore

Amanhã tem baby lonest
Amanhã tem
Amanhã tem baby lonest
Amanhã tem