Bebeto

Bebeto

Samba Rock, Pagode, Samba

Fio Da Navalha - Nega Olivia - Minha Preta

Bebeto

Uah,uah,uah....
Era você batendo em minha porta
Uah,uah,uah....
Era você querendo a minha volta

Você chegou com o dia
Foi a maravilha
e o fio da navalha
E como o vento no mar
Soprou a vela do amor
Encheu meu quarto de vida

Se cansou de repente
Eu fiquei doente
Sentado na guia
E veio um guarda de lá
E falou pra mim
Que é melhor eu ir fazer poesia

Uah,uah,uah....
Era você batendo em minha porta
Uah,uah,uah....
Era você querendo a minha volta

Nega Olívia,
uma nega incrível
surgiu na minha vida,
estava eu de bobeira
no entanto amei tanto essa nega,
que não foi brincadeira.(repete)

Foi no infinito do seu meigo olhar,
que eu fui buscar a minha inspiração
e sem sentir joguei na rua a razão,
E nas profundezas dessa sua pele negra,
eu me joguei de corpo e alma inteiro
e hoje minha vida é um cativeiro

Nega Olívia,
uma nega incrível
surgiu na minha vida,
estava eu de bobeira
no entanto amei tanto essa nega
que não foi brincadeira.

Minha preta
Eu ando calado
Sofrido tal qual
Um samba-canção

E as dores
Que trago no peito
Se perdem em acordes
No meu violão

Me devolve o sossego
Me faça um chamego
Seu nêgo é quem quer

Vem fazer em abraços
O amor em pedaços
Num canto qualquer...

Minha preta
Eu ando calado
Sofrido tal qual
Um samba-canção

E as dores
Que trago no peito
Se perdem em acordes
No meu violão

Me devolve o sossego
Me faça um chamego
Seu nêgo é quem quer

Vem fazer em abraços
O amor em pedaços
Num canto qualquer...

Aprenda a viver, nêga!
O mundo é bom mesmo assim
Quem sabe viver, prêta!
Não acha a vida ruim...

Me abrace, me beije...prêta!
Me leve prá outro lugar..prêta!
Me faça sentir...prêta!
No seu corpo flutuar...(2x)

Minha prêta é!
Minha prêta!



  • publicidade