Perdi meus pés por caminhar
Numa avenida estreita a te procurar
Desci ladeiras de indecisão, temores e intentos

Seguindo duas pegadas,
Tudo que encontrei foram rodovias
Ruas desertas e incertas, quilometro, tormento

Mas se você já não me ama,
Me deixe em paz e vá
Tire os seus pés do meu caminho
Que eu preciso andar

Se Deus pudesse te mostrar
Noites que pensei em te perdoar
Por mentir, trair,
Roubar o que eu não te fiz pagar

Mas se você já não me ama,
Me deixe em paz e vá
Tire os seus pés do meu caminho
Que eu preciso andar oh

Penso que amar não é brincar, nem sofrer
E você não merece nada além de glórias
As tristes glórias de um vencedor
Mas bem no fim dessa estrada,
Veremos pois o perdedor

E se você já não me ama,
Me deixe em paz e vá
Siga em frente e em paz no seu destino
Que eu preciso andar

Se você já não me ama,
Me deixe amor e vá
Tire os seus pés do meu caminho
Que eu preciso andar
Tire os seus pés do meu caminho
publicidade
publicidade