fotos de Amado Batista

Amado Batista

Romântico, Sertanejo

Amigo José (Acústico)

Amado Batista

Andar pelas ruas,
Vagarosamente,
E ninguém sabe quem é.
É triste é humilde
Faz canções tão lindas,
É meu amigo José

Homem da favela
Da canção tão triste
Vocês não sabem quem é
Mas o José existe

Homem da favela
Da canção tão triste
Vocês não sabem quem é
Mas o José existe

A poeira e o tempo não lhe envelheceram
Pois vive só de amor
De família pobre
Origem humilde
Só conheceu a dor

Homem da favela
Da canção tão triste
Vocês não sabem quem é
Mas o José existe

Homem da favela
Da canção tão triste
Vocês não sabem quem e
Mas o José existe

Homem da favela
Da canção tão triste
Vocês não sabem quem é
Mas o José existe

Homem da favela
Da canção tão triste
Vocês não sabem quem é
Mas o José existe

Envie essa música para um amigo
  • publicidade