foto

E Agora (Et Maintenant)

Agnaldo Timóteo

O que será... de mim agora?
o que será, deste meu viver?
nem sei porquê fostes embora?
qual será meu amanhecer?

O que será destas manhãs?
noites sem fim, o quê será de mim?
de um coração pulsando assim
sem ter ninguém, ninguém?

O que será de mim agora
se a tristeza quer morar em mim?
vendo nascer as criancinhas
chego a sentir bem perto meu fim

Todos dirão sem compreender
teu grande amor fez-me enlouquecer
todos vão rir, más não faz mal
tudo tem seufinal

O que vou fazer de mim agora?
eu vou sorrir pra não mais chorar
nesta aflição sempre pensando
a solução não posso encontrar

Percebo então quanto sozinho
no meu espelho o fim do caminho
lágrimas vem nos olhos meus
relembro então o adeus

O que será...de mim agora?
o que será, que será
publicidade
publicidade