buscar

Zezé Di Camargo e Luciano

estilos: Sertanejo, Romântico

Fera Mansa

Olhar 45, seu olhar é uma bala de prata
Andar de puro-sangue
Linhagem real da paixão
Me prende em sua mão
Faz um carinho, essa princesa me mata!
É um touro selvagem
Na arena do meu coração
Seu corpo de viola caipira
Que vontade de tocar quando vejo
Ligada na turbina
Peão, essa menina
Parece um avião sertanejo

Sorriso lindo, boca vermelha
Muito gata numa jeans bem colada
Por ela eu pago a prenda
E dou minha fazenda
Com tudo, de porteira fechada

Ela é fera, muito fera
Fera indomável que no amor não se cansa
Mas quando eu jogo meu laço
E prendo no meu abraço
Essa garota vira fera mansa (2x)
publicidade
versão clássica © 2014
Zezé Di Camargo e LucianoFera Mansa

Você deseja o áudio ou vídeo da música?

áudiovídeo
Terra Mobile