buscar

Zezé Di Camargo e Luciano

estilos: Sertanejo, Romântico

Estrada Do Amor

Às vezes fico pensando por que tem que ser assim
Gostar tanto de alguém que sequer lembra de mim
É um viver sem viver, um negócio esquisito
A gente não vê beleza nesse mundo tão bonito
Toda estrada que eu conheço vai pra lá e vem pra cá
Só a estrada do amor que não faz você voltar
Cada vinte e quatro horas nasce sol e nasce lua
Só meu dia é diferente, nasce só saudade sua
Paixão, enquanto tem fogo, queima doce feito mel
Fumaça vai desenhando dois corações pelo céu
Nossa paixão foi assim, sentimento que queimou
Até se acabar em cinzas, apagando o nosso amor
publicidade
versão clássica © 2014
Zezé Di Camargo e LucianoEstrada Do Amor

Você deseja o áudio ou vídeo da música?

áudiovídeo
Terra Mobile